sábado, fevereiro 19

Suporte e Resistência

1.1 Suporte e Resistência

Suporte e resistência é um dos conceitos mais usados na negociação. Estranhamente, todos parecem ter sua própria ideia sobre como você deve medir suporte e resistência.

Vamos dar uma olhada no básico primeiro.



Olhe para o diagrama acima. Como você pode ver, esse ziguezague está fazendo o seu caminho para cima (bull market). Quando o mercado se move para cima e depois volta, o ponto mais alto atingido antes do que ele se afastou agora é resistência.

Como o mercado continua para cima novamente, o ponto mais baixo atingido antes de começar a subir novamente é o suporte. Esta forma de resistência e de suporte são continuamente formados na oscilação do mercado ao longo do tempo. O inverso é verdadeiro para a tendência de baixa.

Traçando suporte e resistência

Uma coisa a lembrar é que os níveis de suporte e resistência não são números exatos.

Muitas vezes você vai ver um nível de suporte ou resistência que aparece quebrado, mas logo depois descobre que o mercado estava apenas testando. Em gráficos de velas, estes "testes" de suporte e resistência são normalmente representados pelas sombras do castiçal.


Observe como as sombras das velas testaram o nível de suporte em 1,4700. Nesses momentos, parecia que o mercado estava "quebrando" o apoio. Em retrospectiva, podemo ver que o mercado estava apenas testando esse nível.

Então, como vamos realmente saber se o suporte e a resistência foram quebrados?

Não há nenhuma resposta definitiva a esta pergunta. Alguns argumentam que um nível de suporte ou resistência é quebrado se o mercado pode realmente fechar passando a esse nível. No entanto, você vai descobrir que nem sempre é o caso.

Vamos voltar ao nosso exemplo acima e ver o que aconteceu quando o preço atual de fechamento passou 1,4700 do nível e apoio.



Neste caso, o preço fechou abaixo do nível de apoio de 1,4700 mas acabou subindo de volta sobre ele.

Se você tivesse acreditado que se tratava de uma queda brusca nesse par, e se tivesse vendido-o, teria perdido dinheiro!

Olhando para o gráfico agora, você pode visualizá-lo e chegar à conclusão de que o apoio não foi realmente quebrado, mas ainda está muito intacto, e agora ainda mais forte.

Para ajudá-lo a filtrar esses falsos rompimentos, você deve pensar em suporte e resistência mais como "zonas" do que números concretos.

Uma maneira de ajudá-lo a encontrar essas zonas é a parcela de apoio e resistência em um gráfico de linha, em vez de um gráfico de velas. A razão é que o gráfico de linhas apenas mostra-lhe o preço do fechamento, enquanto as velas adicionam os altos e baixos na imagem.

Esses altos e baixos podem ser enganosos, porque muitas vezes eles são apenas reflexos das reações de mercado. É como quando alguém está fazendo algo realmente estranho, mas quando perguntado sobre isso, ele ou ela simplesmente responde: "Desculpe, é apenas um reflexo."

Ao traçar suporte e resistência, você não quer os reflexos do mercado. Você só quer é traçar seus movimentos intencionais.

Olhando para o gráfico de linha, que pretende traçar o seu apoio e linhas de resitência em torno das áreas onde você possa ver o preço formando vários picos ou vales.

Outros dados interessantess sobre o suporte e a resistência:

* Quando o preço passa através da resistência, essa resistência tem grande potencial para se tornar apoio.

* Os testes de preços com mais frequência de um nível de resistência ou de apoio sem quebrá-lo torna mais forte esta área.

* Quando um nível de suporte ou resistência é quebrado, a força para um movimento depende de quão forte foi a quebra do suporte ou resistência.



Com um pouco de prática, você será capaz de detectar o potencial de apoio e áreas de resistência com facilidade. Na próxima lição, vamos ensiná-lo a diagonal de apoio ao comércio e linhas de resistência, também conhecidas como linhas de tendência.

Original: http://www.babypips.com/school/support-and-resistance.html

1.2 - Linhas de Tendência

Linhas de tendência são provavelmente a forma mais comum de análise técnica. Elas são provavelmente uma das mais utilizadas.

Se elaborado corretamente, pode ser tão eficaz quanto qualquer outro método. Infelizmente, a maioria dos comerciantes não os desenha corretamente ou tenta fazer a linha se adequar ao mercado em vez de o contrário.

Na sua forma mais básica, uma linha de tendência de alta é desenhada ao longo do fundo de áreas de suporte (vales). Em uma tendência de baixa, a tendência é desenhada ao longo do topo das áreas de resistência, facilmente identificáveis (picos).

Como devem ser desenhadas as linhas de tendência?

Para desenhar linhas de tendência corretamente, tudo que você precisa fazer é localizar dois topos ou fundos importantes e conectá-los.

E agora?

Nada.

Então é só isso?

Sim, é simples deste modo.

Aqui estão as linhas de tendência em ação! Veja as ondas!



Ampliada:
12/20/10

rafa

Tipos de tendências

Existem três tipos tendências:

1. A tendência de subida (mais baixos)

2. Tendência de descida (mais baixas)

3. Tendências aleatórias (variáveis)

Aqui estão algumas coisas importantes para se lembrar sobre linhas de tendências:

* Necessita de pelo menos dois picos ou vales para desenhar uma linha de tendência válida, mas são necessárias TRÊS para confirmar a linha de tendência.

* Quanto mais íngreme a linha de tendência você traçar, menos confiável ela será e mais fácil será de quebrar.

* Como o suporte horizontal e níveis de resistência, linhas de tendência se tornam mais fortes quanto mais vezes são testadas.

* E o mais importante, NUNCA desenhar linhas de tendência forçando-as a se adaptarem ao mercado. Se elas não se encaixam direito, a linha de tendência não é válida!

Original: http://www.babypips.com/school/trend-lines.html

1.3 - Canais

Se tomarmos essa teoria sobre a linha de tendência e traçarmos uma outra linha paralela no mesmo sentido da tendência de alta ou de baixa, teremos criado um canal. Não, nós não estamos falando sobre ESPN ou Cartoon Network.

Ainda sim, você não precisará mudar o canal como se estivesse no intervalo comercial, pois aqui até esses têm graça de se "assistir".

Os canais são apenas mais uma ferramenta de análise técnica que pode ser usado para determinar bons lugares para comprar ou vender. Ambas as partes, inferiores ou superiores de canais representam potenciais áreas de suporte ou resistência.



Ampliada:


Para criar um canal (ascendente), basta desenhar uma linha paralela, no mesmo sentido da linha de tendência de alta e, em seguida, mover esta linha para a posição onde ela toque o pico mais recente. Isto deve ser feito em conjunto com a criação da linha de tendência.

Para criar um canal (decrescente) para baixo, simplesmente desenhe uma linha paralela no mesmo ângulo que a linha de tendência de baixa e depois mova-a até uma posição em que toque o vale mais recente. Deve ser feito em conjunto com a linha de tendência.

Quando os preços atingem o ponto mais baixo da linha de tendência, este pode ser usado como uma área de compras. Quando os preços atingirem a linha de tendência de alta, pode ser usado como uma área de venda.

Tipos de canais

Existem três tipos de canais:

1. Canal ascendente (alturas maiores e alturas modestas)

2. Canal descendente (alturas menores e mínimas)

3. Canal horizontal (variando)

Coisas importantes a lembrar sobre linhas de tendências

* Ao desenhar um canal, as linhas devem ser paralelas.

* Geralmente, a parte mais baixa do canal é considerada uma zona de compra, enquanto o topo é considerado uma zona de venda.

* Como no desenho de linhas de tendência, NUNCA force o preço para os canais que você desenhar! Um limite de canal é inclinado em um ângulo enquanto o limite correspondente ao canal inclinado para outro não é correto e pode levar a maus negócios.

Original: http://www.babypips.com/school/channels.html

1.4 - Negociando com as Linhas

Agora que você sabe o básico, é hora de aplicar estas ferramentas básicas, mas extremamente úteis em técnicas de negociação. Porque aqui no Babypips, queremos tornar as coisas fáceis de entender, nós dividimos os níveis de suporte e resistência em duas ideias simples: o Bounce (Salto) e o

Break
(Quebra).

Bounce

Como o nome sugere, uma forma de operar em níveis de suporte e resistência é logo após o bounce (salto).



Muitos traders de varejo cometem o erro de configurar seus pedidos diretamente sobre os níveis de suporte e resistência e, em seguida, simplesmente esperar que se concretize o comércio. Claro, isso pode funcionar algumas vezes, mas este tipo de método de negociação pressupõe que um nível de suporte e resistência são imprevisíveis.

Você pode estar pensando: "Por que eu não apenas defino a ordem de entrada após a linha? Dessa forma, certamente terei o melhor preço possível."

Quando utilizamos o bounce, nós podemos inclinar as probabilidades ao nosso favor e encontrar algum tipo de confirmação de que o suporte ou resistência irá se realizar. Ao invés de simplesmente comprar ou vender logo de cara, espere que salte antes de entrar. Ao fazer isso, você evita os momentos em que os preços se movem rápido e rompem os níveis de suporte e resistência. A partir da experiência, você entenderá.

Break

Em um mundo perfeito, os níveis de suporte e resistência se repetiriam para sempre, MC Donalds seria saldável, e todos teríamos jetpacks. Em um mundo perfeito de negociações, nós poderíamos apenas saltar dentro e fora, sempre saberíamos onde estariam os preços de apoio e os de resistência e ganharíamos muito dinheiro. O fato é que estes níveis quebram, frequentemente.

Então, não é suficiente apenas usar bounces. Você também saber o que fazer sempre que os níveis de suporte e resistência quebrarem a regra. Há duas maneiras de utilizar os breaks: a maneira agressiva ou a maneira conservadora.

A maneira agressiva

A maneira mais simples de utilizar breakouts é comprar ou vender sempre que o preço passar convincentemente de uma zona de preço ou de resistência. A palavra chave aqui é ser convincente, porque nós só queremos entrar quando o preço passa através de um apoio significativo ou do nível de resistência com facilidade.

Queremos que a área de suporte ou resistência venha a agir como se ele apenas recebece um golpe de karatê do Chuck Norris: Queremos que este murche de dor assim como a quebra após este.


A forma conservadora

Imagine uma situação hipotética: você decidiu passar um tempo em EUR/USD esperando que subisse depois de saltar de um nível de suporte. Logo após, o suporte é quebrado e agora você está segurando uma posição perdedora, com saldo em sua conta caindo lentamente.

Você...

1. Aceita a perda, e termina sua posição?

OU

2. Segurar a transação com esperança de que o preço suba novamente?

Se sua escolha for o segundo, então você vai entender facilmente esse tipo de método de negociação. Lembre-se, sempre que você for fechar uma posição, você toma o lado oposto do comércio. Fechar a longa transação EUR/USD significa que você terá uma curta EUR/USD no mesmo montante. Agora, se simultaneamente a venda e a liquidação de perdas de posições acontecerem em um nível de suporte quebrado, o preço irá reverter e começar a cair novamente. Esse fenômeno é a principal razão pela qual os níveis de suporte quebrados se tornam resistência quando eles são quebrados.

Como você poderia ter adivinhado, aproveitar este fenômeno é como estar doente. Ao invés de entrar rapidamente após a quebra, você espera que o preço faça uma "retirada" do nível de suporte ou resistência quebrados e entrar depois que o preço salta.

Algumas palavras de precaução...
ISTO NÃO ACONTECE O TEMPO TODO. "RETESTES" DE QUEBRA DE NÍVEL DE SUPORTE OU RESISTÊNCIA NÃO OCORREM O TEMPO TODO. HAVERÁ MUITAS VEZES QUE O PREÇO VAI SE MANTER EM MOVIMENTO EM UMA DIREÇÃO E DEIXÁ-LO PARA TRÁS. DEVIDO A ISSO, SEMPRE USE ORDENS DE STOP LOSS E NUNCA SE

PRENDA SOBRE UMA TRANSAÇÃO APENAS POR CAUSA DE ESPERANÇA.


Opa, desculpem-me, a tecla do caps lock ficou presa.

Original: http://www.babypips.com/school/trading-the-lines.html

1.5 - Resumo: Suporte e Resistência



Quando o mercado se move para cima e depois puxa de volta, o ponto mais alto atingido antes que ele volte a descer é chamado resistência.

Como o mercado continua para cima novamente, o ponto mais baixo que ele atingiu antes que ele suba de volta agora é o apoio.

Uma coisa a lembrar é que os níveis de apoio e resistência horizontal não são números exatos.

Para ajudá-lo a filtrar esses falsos breakouts, você deve pensar em suporte e resistência mais como "zonas" que como números exatos.

Uma maneira de ajudá-lo a encontrar essas zonas é a parcela de apoio e resistência em um gráfico de linha, em vez de um gráfico de barras.

Outra coisa a lembrar é que quando o preço passa por um nível de resistência, essa resistência pode se tornar potencialmente apoio. O mesmo pode acontecer com um nível de suporte. Se um nível de suporte é quebrado, ele pode tornar-se um nível de resistência.

Linhas de tendência

Na sua forma mais básica, uma linha de tendência de alta é desenhada ao longo do fundo de áreas facilmente identificáveis (vales). Uma tendência de baixa é desenhada ao longo do topo de áreas de resistência, facilmente identificáveis (picos).

Existem três tipos de tendências:

1. A tendência de subida (altos)

2. Tendência de baixa (baixas)

3. tendências sideways (variáveis)

Canais

Para criar um canal ascendente, simplesmente desenha-se uma linha paralela, no mesmo ângulo que uma linha de tendência de alta, e em seguida mover a linha para a posição onde ele toca o pico mais recente.

Para criar um canal descendente, simplesmente desenha-se uma linha paralela no mesmo ângulo que a linha de tendência de baixa, e em seguida mover a linha para uma posição onde ela toque o vale mais recente.

1. canal ascendente (Alturas grandes e modestas)

2. canal descendente (alturas menores e mínimas)

3. Canal horizontal (variável)

Operações com níveis de suporte e resistência podem ser divididos em dois métodos: o salto e a ruptura.

Ao negociar o salto que queremos para inclinar as probabilidades ao nosso favor e encontrar algum tipo de confirmação de que o suporte ou resistência irá realizar. Ao invés de simplesmente comprar ou vender logo de cara, espere que este salte antes de entrar. Ao fazer isso, você evita os momentos em que o preço se move tão rápido que corta através de níveis de suporte e resistência como uma faca cortando manteiga quente.

Quanto à negociação com a ruptura, há o modo agressivo e o modo conservador. No modo agressivo, simplesmente compra-se ou vende-se sempre que o preço passar do suporte ou resistência com facilidade. Na forma conservadora, se espera que o preço faça uma retirada do nível de apoio ou resistência quebrado e entra após o salto do preço.

Original: http://www.babypips.com/school/summary-support-and-resistance.html

1 comentários:

Blogger disse...

Anybody else is interested in getting a FREE MC DONALD'S GIFT CARD?